Tags

, ,

Apesar de eu ter colocado meus pés em Florença pela primeira vez em março de 2013, minha relação com a cidade é mais antiga: participei de um projeto que unia estudantes de Design da Universidade que eu estudava em São Paulo com os da Universidade de Florença há quase 10 anos.

Por causa disso, a cidade pra mim sempre teve um link com arte e criatividade – e eu estava certa! Minha câmera não descansou: não conseguia parar de clicar pois a inspiração está mesmo por todos os lados, do maravilhoso desenho do piso do Duomo (que ficou de fora dessa lista por ser hors concours!) e sua fachada de cair o queixo até a pintura descascada das casas fiorentinas. Aqui estão 10 coisas que pra mim foram essenciais nessa visita, quem sabe inspiram você também!

1. Ver o David de Michelângelo na Accademia

O David é a estrela da Galleria dell’Accademia, e não é por menos: essa obra prima de Michelângelo, feita entre 1501 e 1504 a partir de um bloco de mármore, é uma das coisas mais impressionantes que você vai ver em toda sua vida. O gigante de 5,17 metros tem efeito hipnotizante, é muito difícil desviar o olhar de tantos detalhes e não questionar como alguém pode ter esculpido curvas tão perfeitas em algo tão sólido quanto o mármore.

2. Atravessar a Ponte Vecchio várias vezes ao dia

A ponte medieval que cruza o Rio Arno é uma das jóias de Florença, e apesar de estar sempre cheia de turistas, passar por ela é como atravessar um túnel do tempo – basta um pouco de imaginação pra visualizar o burburinho da ponte alguns séculos atrás. Hoje em dia as lojas que ocupam a ponte de ponta a ponta vendem jóias quase que exclusivamente, mas quem antes fazia comércio ali eram os açougueiros da região. A assimetria das lojas e o jogo de cores fazem com que a Ponte Vecchio seja um prato cheio para fotos.

O complemento da postagem vocês podem ver em  Aprendiz de Viajante.

7-piazzale-michelangelo

Piazzale Michelangelo. Foto: Aprendiz de Viajante

Anúncios